Arquivos do Blog

Especial: Polícia prende cunhado de Bianca Consoli

A Policia Civil prendeu, no início da noite desta segunda-feira (12), o motoboy Sandro Dota, que é suspeito de ter assassinado a jovem Bianca Consoli, de 19 anos. Dota é cunhado da vítima, que foi encontrada morta no dia 13 de setembro dentro de sua casa no Parque São Rafael, zona leste da capital paulista.
Segundo o promotor do caso, Antonio Nobre Folgado, um dos laudos comprovaram que o sangue que Bianca tinha embaixo das unhas é o mesmo que Dota tinha na calça que usava no dia do crime. Folgado pediu a prisão preventiva na Justiça e denunciou Dota por homicídio triplamente qualificado.

O DHPP (Departamento de Homicídios e de Proteção a Pessoas) confirmou a prisão e informou que o suspeito está preso no departamento.

Crime

O corpo de Bianca foi achado pela mãe dela, caído próximo à porta de saída da casa onde moravam. Segundo a polícia, a jovem foi atacada quando havia acabado de tomar banho e se preparava para ir para a academia.

Na cama, os investigadores encontraram a toalha usada por ela, ainda molhada. A garota teria reagido à presença do criminoso e começado uma luta escada abaixo. Foram encontradas mechas de cabelo pelos degraus.

R7

Alexandre Frota diz que toma estimulante na Hora do Sexo

Hebe Camargo e Alexandre Frota

Alexandre Frota, 46, fez diversas revelações durante sua participação no programa “Hebe”, na Rede TV!. Entre outras coisas, o ator disse no quadro “Roda de Mulheres” que já broxou e que toma estimulante sexual. “Já broxei por tantos motivos, não foi só uma vez não”, contou. “Acho que é uma coisa normal, é natural de acontecer, por vários motivos. Eu não vejo nada de anormal nessa situação.” “Sempre tomei [estimulante sexual], acho legal”, disse. “Comecei tomando no filme e, depois, continuei tomando. É bom, porque você fica mais tempo ali do que ficaria.” Sobre o período em que atuou como ator pornô, ele disse que sofreu muito porque foi “uma bandeira muito difícil de carregar”. “Eu fiz por dinheiro”, afirmou. “Não tinha para onde correr e não tenho vergonha de falar isso. E também ninguém me convidou, eu fui atrás, montei esse projeto e fui fazer os filmes.”

Alexandre Frota também falou sobre seu envolvimento com drogas. “Eu dei de cara com o fundo do poço e então voltei”, contou. “Eu perdi tudo: perdi mulher, carro, apartamento, dinheiro e eu perdi o sorriso.” “Achei que ia morrer nas drogas”, revelou. “Eu falei: ‘Ou me recupero e paro, definitivamente, ou eu vou morrer antes do que devo’. Eu não fui viciado, fui um sem vergonha.” Participam do quadro Mônica Veloso, Martha Mellinger, Gilmelândia e Mirella Santos.

F5

%d blogueiros gostam disto: